A agência de notícias oficial da Argentina, a Télam, comunicou a demissão de 354 jornalistas, quase 40% de sua equipe, nesta terça-feira (26/6). Várias mensagens informando a demissão (chamados “telegramas de despido” em espanhol) chegaram para os funcionários durante o jogo de futebol entre Argentina e Nigéria na Copa do Mundo FIFA na Rússia, pela qual o país sul-americano se classificou para as oitavas de final. Continuar lendo “Governo da Argentina demite 354 jornalistas da Télam”