Busca

Agências de Notícias

blog sobre agências de notícias e temas relacionados

Categoria

Opinião e Análise

Agencia Americana Telegraphica, a primeira agência de notícias do Brasil e da América Latina

(Pedro Aguiar)

Qual foi a primeira agência de notícias do Brasil? Fernando Morais, em sua biografia de Assis Chateaubriand, a ANJ e o Itaú dizem que foi a Meridional, dos Diários Associados, criada em 1931. A ABN (Agência Brasileira de Notícias), fundada em 1924, arroga para si o título em seu perfil no Facebook. Os biógrafos de Cásper Libero e vários dos autores paulistas afirmam que foi a Agência Americana, que teria sido fundada por ele e Raul Pederneiras em 1913 em São Paulo (mas na verdade foi por Olavo Bilac em 1909 no Rio de Janeiro).

Nenhum deles está certo. Continuar lendo “Agencia Americana Telegraphica, a primeira agência de notícias do Brasil e da América Latina”

Anúncios

Agência Americana: quando poetas fizeram jornalismo de agências no Brasil

(Pedro Aguiar)

Às vezes apontada como “a primeira agência de notícias do Brasil”, a Agência Americana (AA) é um episódio quase esquecido na história do jornalismo brasileiro, apesar de ter envolvido grandes nomes da profissão e de ter deixado um legado para o setor da comunicação. Fruto das iniciativas de Olavo Bilac, Martins Fontes, Raul Pederneiras e outros escritores, poetas, jornalistas e intelectuais da República Velha, a AA teve uma história de altos e baixos mas chegou a ser, por algum tempo, a única agência de notícias no país e a que primeiro introduziu alguns cânones do jornalismo de agências para a imprensa nacional. Continuar lendo “Agência Americana: quando poetas fizeram jornalismo de agências no Brasil”

Bastidores do fotojornalismo da Reuters no Brasil

(colaboração de Cláudia Rodrigues)

A foto de um menino de 8 anos, dentro da água, fascinado com a queima de fogos no Réveillon da Praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, autoria do fotógrafo Lucas Landau, stringer da agência Reuters, transformou-se em fenômeno de viralização nas redes sociais nas primeiras horas de 2018 (foto do alto). A imagem, focalizada em milhares de postagens e comentada em matérias nacionais, internacionais e artigos, foi publicada originalmente por Landau, em seu Instagram – com novo recorte e sem cores – e fez seu número de seguidores multiplicar de 7 mil para 30 mil em três dias. Continuar lendo “Bastidores do fotojornalismo da Reuters no Brasil”

Meridional: a agência de notícias que integrou o Brasil

(Pedro Aguiar)

O empresário de mídia paraibano Assis Chateaubriand (1892-1968) foi uma figura complicada. Era ao mesmo tempo conservador na política e modernizador na economia, liberal na ideologia mas afeito a autoritarismos, amigo do capital internacional mas promotor da cultura nacional e apegado às raízes da identidade brasileira. Os nomes que escolheu para suas empresas refletem justamente esse sentimento de brasilidade: Tupi, para as redes de rádio e TV; a revista O Cruzeiro, por causa da constelação que só pode ser vista do hemisfério sul; e o adjetivo próprio desse mesmo sul para sua agência de notícias: a Meridional. Continuar lendo “Meridional: a agência de notícias que integrou o Brasil”

Agência do Canadá faz 100 anos

A agência de notícias nacional do Canadá completou 100 anos nesta sexta-feira (1º/9), comemorando uma história de conquistas e feitos relevantes, mas discretos. Assim como os canadenses têm duas línguas, a agência tem dois nomes: The Canadian Press (CP ou CanP) ou La Presse Canadienne (PC), usados indistintamente com valor oficial. E a agência do grande e gélido norte tem muita história pra contar. Continuar lendo “Agência do Canadá faz 100 anos”

A primeira agência de notícias do mundo foi mexicana?

A narrativa dominante sobre a origem das agências de notícias atribui o feito ao francês Charles-Louis Havas, que em 1832 abriu em Paris um escritório de tradução de jornais de outras línguas para francês (Agence des Feuilles Politiques et Correspondance Générale) e três anos depois, em 22 de outubro de 1835, transformou-o na Agência Havas, batizada com seu sobrenome. Essa teria sido, segundo a maioria das fontes, a primeira agência de notícias do mundo e da História.

Mas… e se essa não for toda a história?

Continuar lendo “A primeira agência de notícias do mundo foi mexicana?”

EFE entrevista Temer e mente sobre golpe no Brasil

Num claro exemplo de manipulação do noticiário internacional pelas grandes agências de notícias, a espanhola EFE entrevistou Michel Temer em abril e recheou o despacho com desinformações, conjecturas sem base e mentiras deslavadas sobre o atual processo político brasileiro. A entrevista, reproduzida em diversos veículos de países hispânicos, foi acompanhada de fotos e conduzida pessoalmente pelo presidente da agência espanhola, José Antonio Vera Gil (foto no alto), Carmen Gurruchaga e o veterano correspondente Eduardo Davis. Continuar lendo “EFE entrevista Temer e mente sobre golpe no Brasil”

Agências de notícias: elos na cadeia de responsabilidade da mídia atual

Este artigo foi originalmente publicado no jornal Daily Sabah, da Turquia, na coluna Canto do Leitor, na última segunda-feira (20/2).

por İbrahim Altay*

Se olharmos para as forças motrizes nos meios de comunicação, não há dúvida de que as agências de notícias estão bem no alto na lista. Com o grande volume de conteúdo que elas fornecem, combinado com um extensivo trabalho de apuração e a ampla rede de fontes jornalísticas que têm a oferecer, é claro que as agências de notícias se tornaram uma parte essencial das fontes para a mídia de hoje em dia. Continuar lendo “Agências de notícias: elos na cadeia de responsabilidade da mídia atual”

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑