A agência de informação financeira Bloomberg está construindo um novo prédio em Londres para abrigar a sede de sua filial na Europa, que deve ser inaugurada em junho. Chamado de Bloomberg Place, o edifício terá oito andares e 40 mil metros quadrados de espaço útil erguidos sobre um terreno de 12 mil metros quadrados. O novo prédio deve abrigar 4.500 funcionários da Bloomberg. O custo estimado da obra é de cerca de 1 bilhão de libras (quase R$ 4 bilhões).

Em visita à construção, o jornalista Brian Mooney, ex-correspondente da Reuters e co-autor do livro “Breaking News: how the wheels came off at Reuters“, disse sentir-se orgulhoso de ter feito parte do comitê que aprovou a obra.

“Não pude deixar de me lembrar dos dias frenéticos nos anos 1980 e 1990, quando na Reuters só se falava em ‘acabar com a Bloomberg‘”, escreveu Mooney no blog The Baron, de antigos funcionários da Reuters.

BloombergPlace_london_slideshow_020.jpg

Segundo Mooney, o novo prédio ficará no coração financeiro da capital britânica (imagem acima), “a poucos passos do Banco da Inglaterra, da mansão Rothschild e da Mansion House [residência do prefeito londrino], onde o único vestígio da Reuters é um busto do Barão”.

O jornalista, que hoje trabalha em assessorias de imprensa para o setor financeiro, destaca que o interior incluirá “uma espetacular escadaria em espiral”, um auditório com 206 lugares, um andar inteiro para a redação com 700 baias móveis, “que pode ser ajustadas para se usar sentado ou em pé”. O dono da agência nova-iorquina, Michael Bloomberg, acompanhou de perto todas as etapas da obra, lidando com os arquitetos em viagens regulares a Londres.

Bloomberg-Place_emconstruçao_Foster-Partners.jpg
Bloomberg Place durante a obra, em 2015

O projeto do edifício é assinado por Norman Foster, mesmo arquiteto por trás do Gherkin (o prédio de escritórios em formato de pepino que virou cartão-postal de Londres), do Reichstag restaurado em Berlim, do novo estádio de Wembley e da sede do HSBC em Hong Kong, entre outros.

No início da obra, em 2012, escavações encontraram ruínas de um antigo templo romano dedicado ao deus Mitras. Os vestígios foram preservados e serão exibidos numa exposição no subsolo do Bloomberg Place.

A Bloomberg foi fundada em 1982 em Nova York por Michael Bloomberg, ex-operador do mercado financeiro em Wall Street que desenvolveu um sistema digital para levar rapidamente informações das bolsas até os clientes (não apenas redações jornalísticas, mas também e principalmente investidores, corretores, consultores e agências de classificação de risco). Em pouco mais de uma década, a empresa cresceu para se tornar uma das maiores agências de notícias do mundo.