Buscamos na base de dados dos Anais do Congresso da Intercom as palavras-chave “agência”, “agências”, “Reuters”, “AFP”, “Bloomberg”, “EFE”, “ANSA”, “TASS”, “Xinhua”, entre outras, para encontrar trabalhos que tratassem de agências de notícias.

Foram muito poucos este ano.
Cândida Schaedler (Pontifícia Universidade Católica do RS); Beatriz Dornelles (Pontifícia Universidade Católica do RS)
Pedro Aguiar Lopes de Abreu (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)
Iasminny Thábata Sousa Cruz e Márcia Marques (Universidade de Brasília)

 

Três trabalhos trataram da Agência Pública, que não é uma agência de notícias, mas sim agência de comunicação ou conteúdo (especializada em grandes reportagens).

Guilherme de Oliveira Simão (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro)
Pedro Henryque Paes Loureiro de Bragança (Núcleo de Altos Estudos Amazônicos da Universidade)
Vitória Souza Rocha (Universidade Metodista de São Paulo) (Intercom Jr)