Reuters

A maior agência de notícias do mundo cresceu como “órgão auxiliar” do Império Britânico, mas fez fortuna menos com jornalismo e mais com informação financeira. Fundada em meados do século XIX por um empresário judeu alemão naturalizado inglês, a agência se tornou empresa de capital aberto no século XX e expandiu-se globalmente durante a Guerra Fria, diversificando serviços (fotojornalismo, telejornalismo, gráficos, esportes e economia) até ser comprada pelo discreto porém gigante conglomerado canadense Thomson, em 2008. Hoje, embora ainda sediada em Londres, a Reuters nem assume mais a identidade de “agência britânica”, porém global, disposta a manter o status de número 1 no setor da distribuição de informação.

Reuters_2008_logo.svgwebsite: www.reuters.com
tipo: agência global
idiomas: inglês
ativa desde: 1851
sede: Londres
Twitter: @Reuters
Facebook: fb.com/thomsonreutersfb.com/thomsonreuters
YouTube: youtube.com/ReutersVideo
aplicativos: iOS, WindowsPhone
serviços: texto, foto, vídeo, arquivo, informações financeiras, conteúdo personalizado, notícias por celular
filiação: NAWC

Mapas das Agências - Reuters
Praças de correspondência da Reuters
(fonte: World Directory of News Agencies Offices and Correspondents, 2017)